Vr.Ironic

quinta-feira, 29 de julho de 2010


Desejo


Desejo sede

Desejo fome

Desejo vontade

Desejo querer

Desejo satisfação

Desejo ambição

Desejo cobiça

Desejo ter

Desejo ser


Ser desejo

Matar sede

Saciar sua fome

Quero satisfazer


Almejo ser sua cobiça

Ter Ser


Desejo!

sábado, 24 de julho de 2010

S O Z I N H O


Consegui superar uma tal de fase e comecei outra.
Parece jogo de rede ....Estava há meses, dias, sem sentir essa frescura de ansiedade, sem esperar nada de ninguém...
sem querer nada, sem espectativas, sem olhar o relógio, sem olhar recados, sem virgília ao celular, sem desejar o fim de semana chegar...

estava lá, estava bem, depois do mal, estava leve, estava normal

estava sozinho!

S O Z I N H O ... eu não me basto... mas S O Z I N H O não culpo niguém!

game over? ou vou avançar o nivel e mudar de fase outra vez?


quinta-feira, 22 de julho de 2010

Celebre a Vida!

A vida não é doce, nem tem sabor de chocolate, ás vezes ela nos agrada o paladar, mas o que importa de fato, é que seja qual o sabor que nós tenhamos da vida, ela é única, e vai embora rápido demais.
Não podemos perder tempo pensando em como acabar com ela, vou deixar isso para os corajosos ou covardes como preferir!
Eu quero da vida, SER! Nem tanto TER, mas, se puder alcançar os dois, que SEJA!
Eu quero amar de uma forma limpa, desejar o melhor a outrem, como para mim mesma, sonhar os sonhos alheios e buscar os meus, para compartilhar com todos.
NINGUÉM ALÉM DE NÓS MESMOS PODE ENTENDER O QUE SE TEM PRA COMEMORAR E O QUE NÃO SE TEM!
CELEBRE VOCÊ, POIS VOCÊ É O QUE IMPORTA!

Menina do Sol


Ei, Menina do sol!

Quantos pores do Sol, diferentes você já viu?

Em quantas praias afrodisíacas você acampou?

Quantas pessoas iguais a você, você já encontrou?

Quantas vezes você foi à Lua?

Onde você esconde toda essa energia incrível, menina do sol?

As areias que você pisa, alegram-se em recebê-la, o mundo da Lua é seu!

E a Terra, sua Mãe a chama filha do AMOR, entre o céu e o mar e o além você está!


Vr. Ironic 03/08/09

CoMo BOrDõEs


cOmo BoRdões FaMoSos E dA mOda VoCê RePetE sEus PaSsOs E vOnTades




como uma peça bem ensaiada, minunciosamente ensaiada,




CAPAZ DE DEIXÁ-LA TRANSTORNADA SE SAIR DA SUA ORDEM






"Me dê uma toalhinha ali!''




''Já fechou a porta?''


''Guardou tudo?''






''E a porta do quintal, já trancou?''




''o desodorante


o creme


o perfume


agora pode pentear o cabelo!''




Seus bordões iguais e usados ordenadamente, na mesma hora, como se fossem progrmados para desparar, todos os dias, nos mesmos momentos, a cada identico avanço do seu dia... São uma grande peça ensaiada que você nunca erra.




E depois de deitada, luz apagada, depois de me ajeitar no cantinho frio da cama, embaixo do edredon sua voz presa, tensa, tímida chama no escuro: -''FIA''?!




Antes de dormir ouço seu último bordão...




mE viRE aQuI uM pOuQuInHO!


....tA bOm!


Deus te abençoe!